#

  :: Home
  :: Histórico
  :: Contato
  :: Bom Dia Pinhal
  :: Coisas do Cotidiano
  :: Evangelho no Lar
  :: Jornal da Cidade
  :: Manhã de Sábado
  :: Notas de Falecimento
  :: Notícias
  :: Perdidos e Achados
  :: Show da Tarde
  :: Telefones Úteis
  :: Toca Tudo
  :: CONSULTA DE CEP
  :: CONSULTA DE CNH
  :: CONSULTA DE CPF
  :: Detran: IPVA / MULTAS
  :: HORÓSCOPO
  :: LOTERIAS
 
CLIQUES: 4 - DATA CADASTRO: 19/12/2014

Aprovado reajuste salarial para presidente, vice, ministros do STF, procurador-geral, deputados federais e senadores

A Câmara Federal e o Senado aprovaram na quarta-feira (17) aumentos salariais para a presidente da República, ministros de Estado, parlamentares, ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e o procurador-geral da República (PGR) em 2015. Pelos textos chancelados por deputados e senadores, o salário da presidente Dilma Rousseff (PT/foto), do vice Michel Temer (PMDB) e de ministros do governo será de R$ 30,9 mil, enquanto senadores, deputados, magistrados do STF e o procurador-geral receberão R$ 33,7 mil por mês. Atualmente, o presidente da República recebe o mesmo subsídio dos parlamentares (R$ 26,7 mil) e menos que ministros da Suprema Corte, cuja remuneração é de R$ 29,4 mil. Portanto, a partir do ano que vem Dilma passará a receber menos que um deputado federal. A aprovação dos aumentos salariais ocorre num momento delicado das contas públicas, depois de o governo ter derrubado a meta de superávit primário (economia feita para pagar juros da dívida pública) estabelecida para 2014. O volume de gastos no ano eleitoral superou a arrecadação e a nova equipe econômica anunciada pela presidente Dilma Rousseff já fala em conter despesas. (Fonte: Portal G1)


CLIQUES: 4 - DATA CADASTRO: 18/12/2014

Deputados estaduais aprovam reajuste salarial para governador, vice e secretários

Os deputados estaduais aprovaram na quarta-feira (17) projeto de lei 1425/2014 que prevê aumento salarial, conforme está previsto na Constituição do estado, para o exercício de 2015 para governador, vice-governador e secretários estaduais, de acordo com a assessoria de imprensa da Assembleia Legislativa. Pelo texto aprovado, o governador Geraldo Alckmin (PSDB/foto) e o próximo vice-governador, cargo que será ocupado pelo deputado federal Márcio França (PPS), terão um reajuste nos vencimentos de 4,7 por cento. Desta forma, Alckmin passará dos atuais R$ 20.662,00 para R$ 21.613,05. Enquanto que França receberá R$ 20.549,60, contra R$ 19.629,00 do antecessor. Com exceção dos vencimentos dos procuradores do estado, cujo teto é limitado a 90,25 por cento dos vencimentos dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), o salário do governador é o teto em relação aos dos servidos públicos estaduais. Os secretários estaduais serão os principais beneficiados com a aprovação do projeto de lei, com um aumento de 17,8 por cento em seus vencimentos. Os secretários que farão parte do governo a partir de 2015 terão salários de R$ 19.467,94. Os da gestão que está terminando agora em 2014 recebem R$ 16.529,00. (Fonte: Portal G1)


CLIQUES: 25 - DATA CADASTRO: 18/12/2014

Jovem é atropelada na avenida Washington Luiz

Rafaela Rodrigues, 18 anos, foi atropelada por volta das 10h40 desta quinta-feira, 18 de dezembro, por um veículo Cobalt prata quando atravessava a avenida Washington Luiz, próximo à entrada da Vila Centenário. Os bombeiros rapidamente chegaram e a encaminharam ao pronto atendimento municipal. Ela teve ferimentos na boca e reclamava de dores no joelho e na face, mas passa bem, segundo informações obtidas pelo site da Pinhal Rádio Clube.


CLIQUES: 9 - DATA CADASTRO: 18/12/2014

Caminhão do lixo reciclável passará nas ruas nos dias 22, 29 e 30 de dezembro

Neste período de Natal e final de ano, o caminhão da Coocatar (Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis) passará recolhendo lixo reciclável nos dias 22, 29 e 30 de dezembro. Nesta sexta-feira, 19 de dezembro, o caminhão trabalha normalmente. Depois das festas de final de ano, o recolhimento volta a ocorrer a partir do dia 5 de janeiro de 2015. A Coocatar (ex-Catar) pede a colaboração da população para evitar jogar materiais recicláveis no lixo comum. Os detritos recicláveis devem ser guardados quando o caminhão não passar nos dias de recesso.


CLIQUES: 10 - DATA CADASTRO: 17/12/2014

Parto é procedimento mais realizado no SUS em clientes de planos de saúde

O procedimento mais realizado em clientes de planos de saúde que recorrem à rede pública é o parto (normal ou cesariana), seguido pelo tratamento contra pneumonia e gripe. O dado faz parte de um levantamento feito pela Agência Nacional de Saúde (ANS) junto ao Ministério da Saúde entre 2008 e 2012. Segundo o estudo, nesse período o Sistema Único de Saúde (SUS) emitiu 57,4 milhões de Autorizações de Internação Hospitalar (AIH), sendo que 1,2 milhão foram a pacientes usuários de planos de saúde. A maioria desses atendimentos (68,4 por cento) foi de urgência e emergência. Ainda de acordo com o levantamento, a maior procura de clientes de operadores de saúde pela rede pública ocorreu no Sudeste (62,9 por cento em relação ao total do país) e a menor procura, no Nordeste (3,8 por cento). De 2008 a 2012, o SUS realizou, em usuários de planos de saúde, 96.223 partos normais, 72.291 cesarianas, 55.116 tratamentos contra pneumonia ou gripe e 29.503 atendimentos de urgência em clínica médica. Essas informações foram divulgadas junto com novas medidas que visam garantir o ressarcimento dos planos de saúde ao SUS. Pela lei que regulamenta o setor, as operadoras têm de reembolsar o SUS quando seus beneficiários são atendidos na rede pública. Os números do ressarcimento, no entanto, indicam que o reembolso realizado está bem abaixo do número de atendimentos realizados pelo SUS. Uma das medidas novas obriga as operadoras de saúde a informar aos seus beneficiários o número do cartão SUS. "Hoje, a inscrição do cliente já é feita, mas muitos beneficiários não sabem o número do registro", diz a diretora de desenvolvimento setorial da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS ), Martha Oliveira. O número do cartão é uma ferramenta considerada essencial para garantir que tal pagamento seja efetivamente realizado. Com base no cadastro, fica mais fácil identificar quando e como usuários de planos são atendidos no SUS. Hoje, a ANS tem em seus cadastros números do cartão SUS de cerca de 50 por cento dos clientes de planos. "Esperamos com as novas providências ampliem esse porcentual rapidamente", afirma Martha. (Fonte: sites da Veja e do Estadão)


CLIQUES: 13 - DATA CADASTRO: 17/12/2014

Aumento da expectativa de vida pode reduzir valor das novas aposentadorias

A expectativa de vida dos brasileiros passou de 74,6 anos em 2012 para 74,9 em 2013. A elevação de três meses na longevidade média parece pequena, mas para o Ministério da Previdência Social a questão não é tão simples. Os novos indicadores são usados como um dos parâmetros para determinar o fator previdenciário no cálculo das aposentadorias do Regime Geral de Previdência Social. “Os benefícios deverão sofrer redução devido aos novos elementos de cálculo”, explica Reginaldo Gonçalves, coordenador do curso de Ciências Contábeis da Faculdade Santa Marcelina. Quando mais as pessoas vivem, maiores são os encargos da previdência, ou seja, os dispêndios governamentais. Como o fator previdenciário leva em conta tempo de contribuição e idade, é presumível a redução dos proventos. O professor também aponta a importância do fator previdenciário para o balanço dos gastos públicos: “Essa situação deve ser muito bem estudada. Se todos contribuírem por 35 anos e quiserem aposentar-se pelo valor integral, sem a utilização dos elementos de cálculo, poderia haver um desequilíbrio muito grande nas contas da Previdência Social”. Segundo Gonçalves, haveria muitos aposentados jovens, com assistência prevista por um período superior a 20 anos.


CLIQUES: 19 - DATA CADASTRO: 17/12/2014

Mais de 800 metalúrgicos perderam o emprego este ano em Pinhal, Jardim e Aguaí

De janeiro até 17 de dezembro de 2014, 801 metalúrgicos perderam o emprego em Pinhal, Santo Antônio do Jardim e Aguaí, que são a base do Sindicato dos Metalúrgicos de Pinhal e Região, informa o presidente da categoria, Milton Alaor Baraldi. Só na Delphi, considerada a maior empregadora da região no setor metalúrgico, foram 495 demissões ou pedidos de demissão. Baraldi é otimista em relação a 2015, acreditando numa melhora para o setor. Ele contou ainda que duas empresas metalúrgicas mostraram interesse em se instalar em Pinhal, podendo gerar, se der tudo certo, centenas de empregos. Por enquanto, ele não pode revelar o nome das empresas. O piso salarial da categoria varia entre R$ 1,1 mil e R$ 1,4 mil, dependendo do número de funcionários. A indústria do estado de São Paulo fechou 36,5 mil postos de trabalho em novembro, na leitura com ajuste sazonal, e deve chegar ao final de 2014 com cerca de 130 mil empregos a menos. No acumulado até o mês passado, 88 mil vagas foram fechadas. Os dados são da Pesquisa de Nível de Emprego da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Pela primeira vez, segundo a entidade, todos os 22 setores industriais sondados registraram demissões líquidas no estado. O de produtos alimentícios foi o que mais demitiu em novembro: 17.579 funcionários. O ramo de máquinas e equipamentos fechou 3 mil vagas, seguido pelo setor de confecção de artigos do vestuário e acessórios, com 2.973.


CLIQUES: 13 - DATA CADASTRO: 17/12/2014

Fórum e Casa do Advogado vão ficar fechados devido a festas de final de ano e ao recesso

De 20 de dezembro a 6 de janeiro, o Fórum Dr. Fabiano Porto ficará fechado devido a festas de final de ano e ao recesso forense, o mesmo ocorrendo com o Posto Avançado do Trabalho (Vara do Trabalho), no Largo São João, e a Casa do Advogado, que fica em frente ao Fórum. A Casa do Advogado só voltará a reabrir no dia 12 de janeiro de 2015. Neste período, ficam suspensos os prazos processuais e a publicação de acórdãos (decisões) e sentenças bem como intimação das partes ou advogados, salvo quando forem medidas consideradas urgentes. De 7 de janeiro a 18 de janeiro, ficam suspensos os prazos processuais de qualquer natureza e a realização de audiências e sessões de julgamento. De 7 de janeiro a 20 de janeiro, no Posto Avançado do Trabalho, ficam suspensos prazos, publicações, intimações, designação de audiências e sessões de julgamento no âmbito do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região (Campinas). Lembrando que as nomeações de advogados ocorrerão a partir de 19 de janeiro de 2015.


CLIQUES: 12 - DATA CADASTRO: 16/12/2014

José Aristides dos Santos é eleito novo presidente do Legislativo de Santo Antônio do Jardim

Por unanimidade (9 votos), o vereador José Aristides dos Santos (PSD) foi eleito na sessão de segunda-feira à noite, 15 de dezembro, o novo presidente da Câmara Municipal de Santo Antônio do Jardim, que, em tese, é oposição ao prefeito Sabonete (PSDB). O vice-presidente eleito foi Ivan Beli (PPS); o 1º secretário, Luiz Alberto Tangerino (PSD); e o 2º secretário, Joaquim Teixeira (PPS). A posse da nova Mesa Diretora ocorre em 1º de janeiro de 2015.


CLIQUES: 22 - DATA CADASTRO: 16/12/2014

Gilberto Viola é eleito novo presidente do Legislativo municipal para o biênio 2015/2016

Com 5 votos, o vereador Gilberto Viola (PP) foi eleito novo presidente da Câmara Municipal para o biênio 2015/2016. João Bertoldo Sobrinho (PSD) obteve votos. Votaram em Viola ele próprio e mais os vereadores Juninho Scalese (PSDB), Osiris Paula Silva (PSDB), Marquinho Rocha (PMDB) e Maria de Lourdes Santiago (PPS). Votaram em João Bertoldo ele próprio e os vereadores Sergio Del Bianchi Junior (PSD), Carol Marinelli Delbin (PSD) e Toni Zibordi (PSD). O vice-presidente eleito foi Juninho Scalese com 5 votos. O 1º secretário eleito foi Marquinho Rocha com 5 votos e o 2º secretário eleito foi Osiris Paula Silva com 5 votos. A posse da nova Mesa Diretora acontece no dia 1º de janeiro de 2015. A eleição ocorreu na noite de segunda-feira, 15 de dezembro. Após a eleição, João Bertoldo agradeceu os votos recebidos, parabenizou Viola e, por fim, fez um desabafo. "Mesmo perdendo me sinto vitorioso porque foi preciso juntar 4 partidos (PP, PMDB, PPS e PSDB), mais o prefeito, o vice, dois deputados (referindo-se ao deputado federal Arnaldo Jardim/PPS e ao deputado estadual Barros Munhoz/PSDB) e talvez até o governador para me derrotar por apenas um voto". Também criticou o prefeito dizendo que ele fica mais em São Paulo do que em Pinhal e lembrou que ele, atualmente, está de férias em Miami (Estados Unidos). Ao se dirigir novamente a Viola, disse: "acho que o prefeito ficou com medo do senhor porque, aqui dessa tribuna, o senhor chamou um diretor da Prefeitura de agiota e, mesmo assim, foi eleito presidente [numa referência ao fato de os vereadores do PSDB terem votado em Viola]. Às vezes, é preciso dar murro na mesa, meus parabéns!". Juninho Scalese explicou que seu partido votou em Viola porque o PSD terá candidatura própria em 2016, sendo oposição ao prefeito José Benedito de Oliveira (Zeca Bene/PSDB), que deverá tentar a reeleição. Para Juninho, deve-se respeitar o resultado da eleição da nova Mesa Diretora e pensar no desenvolvimento de Pinhal apesar das divergências, que são naturais no processo político. Durante a sessão, os vereadores aprovaram o orçamento da Prefeitura de 2015, estimado em R$ 88 milhões, e o projeto do Executivo que cria empregos públicos e vagas para empregos já existentes, como nutricionista, assistente social, psicólogo, veterinário, padeiro e contador. A sessão de segunda-feira foi a última sessão ordinária do ano. Durante o recesso, a Câmara poderá ser convocada em sessão extraordinária pelo prefeito ou por maioria dos vereadores (no caso, 6). A próxima sessão ordinária está marcada para o dia 2 de fevereiro de 2015, às 19h30, com transmissão pela Pinhal Rádio Clube e pelo site www.pinhalradioclube.com.br.



PAGINAS :
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
32
33
34
35
36
37
38
39
40
41
42
43
44
45
46
47
48
49
50
51
52
53
54
55
56
57
58
59
60
61
62
63
64
65
66
67
68
69
70
71
72
73
74
75
76
77
78
79
80
81
82
83
84
85
86
87
88
89
90
91
92
93
94
95
96
97
98
99
100
101
102
103
104
105
106
107
108
109
110
111
112
113
114
115
116
117
 
CLIQUE PARA AMPLIAR

José Spirandio
Aparecido Lopes de Lima
Maria do Carmo de Almeida
João Custódio de Souza
Aparecido Lopes de Lima
Terezinha Maria Rodrigues
Maria de Lourdes Rodrigues
Maria Aparecida Migliorini Alves
Rosaria Helena Xavier
Genoveva Aurieme Gomes

CLIQUE PARA AMPLIAR